Conforme dados da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), o Brasil deve exportar cerca de 9,439 milhões de toneladas de soja em julho. O volume é 25,7% maior em comparação ao mesmo mês do ano anterior, quando os embarques ficaram em 7,009 milhões de toneladas.

No mês de junho, o país exportou 13,910 milhões de toneladas de soja.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

O Brasil pode superar os Estados Unidos e se tornar o maior exportador de milho do mundo, conforme dados da Associação Nacional dos exportadores de Cereais (Anec).

A expectativa é que o Brasil exporte cerca de 50 milhões de toneladas neste ano de 2023, enquanto o país norte-americano deve vender para fora 48,897 milhões de toneladas de milho.

Saiba mais acessando o portal AGROLINK.

Na terceira semana de abril, o Brasil alcançou a média diária de 802,4 mil toneladas em exportação de soja. O volume representa forte aumento em comparação ao mesmo período do ano passado, quando a média diária era de 603,8 mil toneladas. Sendo assim, o país já exportou cerca de 10,4 milhões de toneladas do grão em abril.

Saiba mais acessando o portal Forbes Agro.

O estado deve exportar na safra 2022/23 18% a mais de pluma em comparação ao previsto para o período de 2021/22, que ainda está em comercialização. Os dados são do último relatório de Oferta e Demanda do Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (IMEA).

A oferta total de pluma estimada é de 2,07 milhões de toneladas. A estimativa é que 1,51 milhão de toneladas tenham como destino o mercado externo.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

As exportações do agronegócio cresceram mais de 30% em 2022, alçando a marca US$ 159 milhões. O número representa quase a metade de toda a receita cambial brasileira para o período, que ficou em US$ 355 bilhões. Os dados são da Secretaria do Comércio Exterior (Secex) e sustentam superavit recorde na balança comercial brasileira

Saiba mais acessando portal Canal Rural.

Acompanhando a expectativa de produção da maior safra de soja de toda a história brasileira, as exportações também devem atingir volumes recordes em 2023. Cerca de 93 milhões de toneladas de soja devem sair dos portos brasileiros. O número é 18% maior em comparação ao período anterior, quando as exportações ficaram em 78,9 milhões de toneladas.

Os dados foram divulgados pela consultoria Safras e Mercado.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

O milho começou 2023 com um forte movimento nas exportações. Nas duas primeiras semanas do ano o país já embarcou cerca de 2,95 milhões de toneladas. O número supera o volume exportado em todo o mês de janeiro de 2022, quando as exportações alcançaram 2,73 milhões de toneladas.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

Dados divulgados pela Secretaria de Comercio Exterior (Secex) em parceria com a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) apontam recorde para produtos do complexo soja. 

Os embarques para o farelo de soja passaram de 17,2 em 2021 para 20,4 milhões de toneladas em 2022, com receita de pouco mais de US$ 10 bilhões. Os números representam o maior volume registrado desde que a Abiove passou a copilar os dados em 1999.

Para o óleo de soja, as exportações em 2022 apresentaram o aumento de 58% em relação ao ciclo de 2021, passando de 1,7 para 2,6 milhões de toneladas, gerando a receita de US$ 4 bilhões.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

Para os produtos do chamado complexo soja o ano de 2022 foi de recordes. O destaque fica para o óleo de soja, com aumento de 52% nas exportações em comparativo ao período de 2021. Já o farelo de soja superou a marca de 20 milhões de toneladas exportadas, o que representa um aumento de 18% ante ao ciclo anterior. Houve recuo de 8% no volume exportado de soja em grão, apesar disso, a receita cambial para o produto subiu, passou de US$ 38 bilhões para US$ 46,6 bilhões.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

Apesar da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec) reduzir a sua projeção de exportação de milho para dezembro, passando de 6,579 milhões de toneladas para 6,191 milhões de toneladas em seu último boletim, os números ainda são mais altos ante ao ciclo passado.

No total, a exportação de milho para 2022 ficou estimada em 43,528 milhões de toneladas. O número representa um crescimento de 111% no volume em relação as 20,614 milhões de toneladas exportadas em 2021.

Saiba mais acessando o portal Canal Rural.

cidade

Seg

10º

10º

Seg

10º

10º

Seg

10º

10º

Seg

10º

10º

Seg

10º

10º

Seg

10º

10º

Seg

10º

10º